domingo, 22 de setembro de 2013

domingo, 15 de setembro de 2013

School




Olá, então lá vamos nós para um novo ano de escola, ou seja, testes, preocupações, stress, tardes a estudar, perder filmes e episódios de séries....enfim...aquilo que determina o nosso futura :s
Bem eu vou para o 11.º ano e vocês?
Este ano uma grande parte da minha turma mudou de escola, de curso ou até reprovou...por isso colocaram novas pessoas na turma. Espero que sejam todos porreiros, eu adoro fazer novas amizades.
O que eu mais gosto no inicio do ano é escolher mochila, porta-lápis e cadernos. Mas também gosto da parte em que nas primeiras aulas só preciso marcar presença e daquela semana de rivalidade entre listas para a presidência da assembleia de estudantes.

Mais logo faço um post a mostrar a minha mochila nova.
beijinhos
'ACF :)

domingo, 8 de setembro de 2013

CuCu xD

Olá...eu queria dizer que a minha ausência aqui no blog é mesmo por falta de tempo. Podem pensar que é mentira mas não, é verdade. Este ano foi complicado para mim, foi um ano de adaptação e estava sempre ocupada ou com coisas da escola ou a ajudar em casa ou com os meus amigos...
fico muito feliz por ainda haver pessoas interessadas no meu blog. Gostava de dizer que vou tentar publicar mais capítulos da minha FIC e partilhar algumas coisas do meu dia a dia..
Beijinhos e até breve :))

sexta-feira, 22 de março de 2013

Pedido de desculpa

Olá gente linda :)
Meço mesmo muitas desculpas pela ausencia aqui no blog.
Mas têm sido muitas coisas.... a escola, amigos, férias, amigos, saídas.... em fim, tenho estado um pouco ocupada mas vou tentar cá vir não digo todos os dias mas talvez de dois em dois dias :p
BEIJINHOS
'ACF

Capitulo 25

A pedido de um anon super fofinho(a) vou publicar o capitulo 25 e gostava de saber a vossa opinião ;)

         CAPITULO 25
 
-Mafalda anda, vamos cantar os parabéns! – era a Maria que se calou quando nos viu daquela forma entretanto aquele momento tão mágico tinha acabado e o Tiago largou-me tal como eu a ele. Depois foi com a Maria para a beira do bolo.
Íamos soprar as velas. Olhei para trás e vi-o a olhar para mim (o Tiago) “Como quero ir ter com ele! Será que a rapariga de que me falou sou eu? E se não for? O que aconteceu entre nós á pouco?”
-OMGD, o que se passou ali?-perguntou-me a Maria.
-Nada...quer dizer...não sei...-disse eu meia confusa.
-Pois, mas eu posso dizer-te.
-Então diz e vê se me esclareces.
- Ele gosta de ti e vocês iam beijar-se.
-Não sei se ele gosta de mim, quer dizer ele uma vez falou-me de uma rapariga de que gostava e pela descrição dele não me parece que seja eu.
-Oh, não sejas parva.
-Oh! Tá bem. Olha uma coisa tu disseste que tens a certeza que ele gosta de mim e que nós nos íamos beijar mas porque não disseste que eu gosto do Tiago?
-Porque quanto a isso não tenho certeza.
-Porquê?
-Porque acho que tu gostas do Tiago mas também sentes algo pelo André- “ Será? Isso quer dizer o quê? Eu não gosto dos dois! Eu gosto...”-Tens de estar com ambos e ver com qual deles gostas mais de estar e te sentes melhor.
-Parabéns a você...-e começaram todos a cantar os parabéns ao André. Olhei para o bolo e lá estava 16 -”Então ele não tem 15?!” - acabaram de cantar.
Toda a gente aplaudiu e deu-lhe os parabéns até que foi a minha vez.
-Parabéns não sabia que tinhas 16 anos?
-Pois, mas tenho. Quer dizer… tenho agora. -e sorriu
-Ah.-“Vou falar do Tiago”- Tu és amigo do Tiago?
Ele olhou-me com ar sério
-Mais ó menos, mas não quero falar disso agora.
-Está bem
-Toma! - e deu-me uma fatia de bolo, aliás, deu-me a primeira fatia de bolo. -Ó amor... e eu não tenho direito a uma fatia…- era a Sara, olhou-me como se me pudesse matar com os olhos. “Boa esta agora pensar que é má”
Ele olhou para ela e deu-lhe uma fatia. Aí ela aproveita e beija-o. Eu saí da beira deles. “Desesperada”
-Mafalda, espera!-Era o André. -Porquê?

-Olha desculpa lá a Sara.
-Porquê? Ela só estava a beijar o namorado.- “ Fui mázinha”.
Eu virei-me para continuar a andar e ele agarrou-me pelo braço e puxou-me para ele.

-Sabes que não é assim. - disse-me.

-O quê?
 
-Posso saber o que se está aqui a passar?-Era a Sara. Parecia uma panela com água a ferve, deitava fumo por tudo lado.